Post 1

Post 1
DIY: PORTA REVISTAS

Post 2

Post 2
DIY: Nail art Rilakkuma

Post 3

Post 3
Brownie + Lola e o garoto da casa ao lado

Animais Fantásticos e Onde Habitam (Pré-estreia)


Olá pessoa! Hoje eu quero conversar sobre um dia muito especial que eu vivi, o dia em que eu assisti Animais Fantásticos e Onde Habitam, só um Potterhead é capaz de entender essa emoção incrível que é voltar pra esse mundo, e hoje vou compartilhar com você tudo o que eu achei sobre esse filme 💜

Muito amor  pra você, 
Até.

DIY: Mural Aramado (Tumblr/Pinterest)



👉Aqui vão algumas informações:


Tamanho da grade: 1m por 1m e 1/2. Eu já vi dessa grade pra vender desde alguns Pet Shops até Loja de Ferramentas e Material de Construção.

Polaroid: Utilizei 1 arquivo 15x21 para encaixar 2 fotos. Já ensinei aqui no blog a única coisa que muda é o tamanho que utilizei pra revelar porque eu queria que as fotos ficassem grandinhas.

Click AQUI para aprender a fazer fotos no estilo polaroid.

Detalhes dos Posters: Papel couché 120 g 
Dois posters de tamanho A5 numa folha de tamanho A4 

Onde encontrar Poster legais? 
O Teoria Criativa fez um post maravilhoso compilando vários links com posters de graça! Clique AQUI
O talentoso ilustrador Math disponibilizou em seu blog (Math do Blog) algumas ilustrações lindas do seu arsenal de graça. Clique AQUI . Esta dentro de 'Categorias' na aba 'Freebie'. Já coloquei o link direto pra aba. 😅

XOXO👽💙

Voltei! E as coisas vão mudar ...

Eu já estou trabalhando há algum tempo na volta da Radioativa Fluffy, e a melhor coisa que eu fiz foi tirar um bom tempo pra repensar meu conteúdo, decidir o que era viável de forma racional junto com o que me dá prazer em produzir. E as coisa vão mudar!

Não quero o meu lindo bloguinho apenas como um lugar para armazenar os vídeos, mas ao mesmo tempo escolhi o canal pra ser a artéria de meu organismo online, então a decisão foi além de postar os vídeos aqui, semanalmente preparar um ensaio fotográfico temático, porque é uma coisa que eu amo fazer, e assim eu não me sobrecarrego tanto, já que no canal pretendo começar postando 2 vezes por semana e depois de pegar o ritmo quero passar para 3 vezes, sobre o conteúdo eu quebrei a cabeça pensando na minha própria identidade e como eu gostaria de me comunicar com o mundo, e eu não quero fazer nada que seja muito batido, só vou fazer aquilo que me instigue, que me faça feliz, mesmo que o retorno não seja o mesmo, eu realmente estou entrando nessa por prazer e com 0 pretensão! É claro que tudo tem que ser muito planejado pra não "dar ruim" mas a gasolina do meu motorzinho vai ser a paixão.

O que esperar do blog? Posts de ensaio fotográfico (O beneficio do meu curto período na faculdade Fotografia foi ter descoberto um amor ...mesmo não tendo sido um profissão como inicialmente eu havia almejado).

O que esperar do canal? Covers, DIY's e Vlogs de leitura (As coisas que eu mais gosto de fazer). Aguardem por vídeo novo toda terça e sexta.

+ surpresa = Hoje sai vídeo novo!

Dica de série: Drop Dead Diva

Olá pessoal, já faz um tempo que eu não indico nenhuma série aqui, e como semana passada eu terminei de assistir a última temporada de Drop Dead Diva, resolvi vim bater um papo maroto sobre ela.
Eu comecei a assistir DDD (vou chamar assim) na total despretensão, eu tinha recentemente terminado de assistir Gossip Girl e estava com a certeza que nada mais superaria, confesso que bateu uma deprê, você acaba se apegando aos personagens, e deixar eles irem embora é complicado :/
De qualquer forma, eu comecei a assistir porque não tinha nada melhor para fazer  de madrugada, e no começo parecia só uma série bobinha para passar o tempo, mas eu fui me apegando, e quando me dei conta estava até as 4h00 da manhã assistindo DDD.
A série conta a história de Deb Dobkins, uma fútil aspirante a modelo que morre em um acidente de carro. Ao chegar ao céu, descobre que está zerada: sem pecados e sem boas ações. Inconformada, aperta "return" no computador do anjo Fred e acaba no corpo da advogada que tem excesso de peso e uma mente brilhante: Jane Bingum que estava na mesa de cirurgia, após levar um tiro dentro de seu escritório.
Deb deve aprender a viver no corpo tamanho GG de Jane e aprender a conciliar seus modos de diva e seu novo cérebro. As únicas pessoas que sabem sobre ela são sua melhor amiga, Stacy e seu anjo da guarda Fred.
Com um novo corpo e uma nova vida, Jane terá que conviver com os colegas de trabalho que pertenciam a verdadeira Jane e o grande amor da sua vida quando ainda era Deb, Grayson.
Você não vai dar gargalhadas com DDD, mas ela é tão leve e bem humorada, que assista-la torna a sua noite muito agradável, os personagens são cativantes, e você acaba torcendo muito por eles, além é claro dos casos que Jane leva para o tribunal brilhantemente com sua mente de gênio e sua postura de diva das passarelas, deu até uma nostalgia da faculdade de Direito (bons tempos!) 
Além de tudo a série conta com várias participações especiais como a da Kelly Osbourne e Kim Kardashian. Já estou morrendo de saudade, e agora para preencher meu coração carente de séries, eu comecei ontem a assistir New Girl, e de cara já achei o máximo! Mas vamos deixar para falar dela uma próxima vez.
Beijos,
Radioativa Fluffy.

Cappuccino, Biscoitos e Genética Ilustrada

Algumas pessoas adoram os finais de semana, mas pra mim o seu domingo é minha quarta-feira, e  foi numa dessas recentes quartas-feiras de pouca graça que pude aproveitar uma tarde deleitosa, numa biblioteca pública cheia de livros velhos e almas remanescentes do planeta terra, não que eu seja uma maluca que acredita em coisas invisíveis, apesar de acreditar (risos), eu apenas sinto que bibliotecas guardam mais do que apenas livros velhos.

O senhor da careca brilhante e os anéis de pedras coloridas, estava lá com seu habitual mal humor, que por muito incompreendido as vezes se confunde com ar de superioridade e presunção, ou talvez é claro, que seja apenas seu ar de superioridade e presunção sendo confundido com seu típico mal humor, para com aqueles com pouco tempo a se importar.

Após algumas horas caminhando pelos corredores, e sendo claramente vigiada pelo senhor da careca brilhante, eu escolhi esse divertido livro de genética ilustrada, pois obviamente é uma das poucas formas de tornar genética algo tolerável (risos), não me levem a mal, mas as aulas de biologia no ensino médio não me trazem boas lembranças.

Me encaminhei ligeiramente até o balcão do senhor da careca brilhante, e ele me observou com seus olhos acusatórios, como quem gostaria de prejudicar uma jovem doce como eu (risos...sqn). Após alguns carimbos e assinaturas a biblioteca foi ficando distante cada vez mais junto com seus livros velhos, seu aroma de mofo antigo e com o senhor da careca brilhante e os anéis de pedras coloridas.

Essa foi a minha tarde na biblioteca, que terminou num entardecer com cappuccino de chocolate (não me considero tão adulta para dispensar o chocolate), dentro de um quarto onde os raios do sol invadiam as frestas da cortina branca, lendo um adorável livro de  Introdução ilustrada a genética.

Beijos,
Radioativa Fluffy.