Post 1

Post 1
OOTD: Fotos aleatórias

Post 2

Post 2
Radar Fahion: Hazel Grace

Post 3

Post 3
Radar Fashion: Bella Swan

As melhores coisas de agosto de 2017

 ♥ Música: Look what you made me do - Taylor Swift
Confesso que estou me sentindo muito mal por ter AMADOOOO essa música, ela é super tensa com as indiretas -diretas- e eu não curto muito dar moral para coisas negativas, mas essa música tem uma letra intensa, faz você sentir, o ritmo é marcante, e o clipe nem se fala, cada frame parece ter sido muito bem pensado. Daí eu me rendi. 
Sobre a treta, adoro a Katy Perry mas não colocaria minha mão no fogo por nenhuma das duas *risos* no final das conta is just business 💖


♥ Série: Raising Hope
Já falei sobre ela aqui no RF, eu basicamente assisto 3 ou 4 episódios toda a noite #viciadissíma para saber mais confira esse post aqui que eu conto tudo!
♥ Acessório: Boina C&A
Meu chodó, em disparado o acessório/roupa favorito do mês! Tem um modelo bem parecido na Zara pra quem tiver interesse :)
♥ Livro: Quem é você, Alasca?
Essa foi a leitura que eu mais gostei, confesso que dei um tempo depois da mli2017 pra recuperar as forças e as leituras pausadas. Vlog da maratona e TBR :)
♥ Lugar/Viagem: Curitiba - Jd. Botânico
O suprassumo do meu doce agosto, minha trip por Curitiba e região, foi o máximo me diverti e fiz coisas novas, o que é maravilhoso para uma medrosa reservada como eu! Teve tour por Curitiba, passeio de trem, Morretes e seu Barreado e até um paradinha por Matinhos <3 Fiz um registro em vlog pro meu canal, e cara foi o melhor fuckin' vídeo que eu já editei, me esforcei um bocado então assiste lá, viu! LINK.


♥ Aniversário: No dia 3/08 fez 23 anos que eu integro essa aventura que é viver!
B,
xoxo.

Dica de Série: Raising Hope

Oie!
Depois de concluir Glow eu estava na procura da próxima série que iria ocupar minhas noites de todos os dias. Eis Raising Hope!
É uma mistura de The Middle com o ritmo de Unbreakable Kimmy Schmidt (só que bem mais legal que Unbreakable).

Resumindo bastante, temos essa família pra lá de esquisita e sem grana que tem suas vidas transformadas com a chegada da bebezinha Hope. 

Jimmy é um garoto ingênuo do tipo sem futuro que passa os dias limpando piscinas com seu pai Burt, até que um dia sai para comprar sorvete e acaba dando carona para uma garota em fuga, os dois passam a noite juntos, até que ele descobre que a mulher é apenas uma fuckin' assassina, meses depois ao visita-la na prisão descobre que ela teve um bebê, e entrega Hope para Jimmy poucos dias antes de ir para a cadeira elétrica #PESADO, aguenta aí que é comédia, Jimmy pede ajuda a sua família para cuidar da bebê, a questão é que ninguém sabe direito como fazer isso, já que os pais de Jimmy, Virgínia e Burt, tiveram ele quando eram super novos, e pensa na infância negligenciada do menino.
Características:
1. Os flashbacks são muito legais, porque pensa num povo doido e o Jimmy criancinha bem no meio da loucura. E é claro, relembrando essas situações ele sempre aprende no final qual a melhor forma de criar a Hope. Afinal, é errando que se aprende!

2. Maw Maw é a vó de todos, todo mundo mora com ela e a velhinha já tá pra lá de esclerosada. Mas nos seus poucos momentos de sanidade tem sempre um bom conselho, nos outros ela basicamente faz coisas absurdas!

3. A série já tem 4 temporadas e você consegue encontrar no Netflix.

4. Quando estou assistindo eu bem que tento dormir, mas não rola, é envolvente, engraçada e passa super rápido.

5. A Katy Perry faz uma participação MARAAA na segunda temporada!
B,
xoxo. 

Vlog Curitiba e Passeio de Trem


Oie! 
Vai um registro um tanto diferente de dias especiais que eu passei em Curitiba e na cidade de Morretes. Acho que o mais marcante foi o Jardim Botânico e andar de trem, TRENS SÃO INCRÍVEIS! Me senti pra lá de Sheldon Cooper #TBBT 
Fiz a burrada de experimentar o tal do barreado e eu não sei se fiz errado, mas pensa num negócio esquisito, de qualquer forma valeu a experiência cultural *risos*
 Parecia tão promissor kkk...ai que fome :(
B,
xoxo.

Vlog de leitura: Maratona Literária 2017


Báa, olha quem se tornou uma cumpridora de promessas...
Registrei minha maratona em vídeo, só faltou ler Através do Universo e Como eu era antes de você, de qualquer forma tudo ao seu tempo. Foi muito bom separar esse tempo para ler, o lado bom é que agora é só eu não perde o ritmo e retomar os livros que eu parei para começar a MLI2017 💞
B,
xoxo.

GLOW: Nova série da Netflix

 Terminei faz alguns minutos de assistir a 1º temporada dessa nova série da Netflix, e tive a necessidade de vir aqui e dizer: Assista já Glow. 
Quando eu era bem mais nova eu adorava assistir a WWE e tinha o maior crush no John Cena, então foi uma delícia relembrar o quanto a luta livre é legal e engraçada, o lance todo é um verdadeiro espetáculo, alguns preferem novela... eu curtia luta livre.

Sobre a série em si, até onde eu sei ela foi levemente baseada em um programa que de fato existiu com o mesmo nome. E o que eu mais gostei sem dúvida é como essas atrizes enquanto personagens desenvolvem os seus personagens para o programa, a loba é super legal... e a teoricamente antagonista russa é a minha favorita. Acho que cada vez mais vamos conhecer a personalidade de cada uma delas, como acontece com Orange is the new black, o que também é um ponto muito positivo. 
Características:
1. Foi uma série leve mais ao mesmo tempo envolvente o que a torna perfeita para maratonar.

2. A história e circunstâncias de cada personagem dentro do enredo é bem interessante.

3. O estereótipo não é algo legal, mas é retrato de uma forma descontraída e visivelmente caricatural, então na verdade apesar deles estarem presentes no show, eles entram em contraste com a vida real das personagens, o que no fim das contas ajuda a desconstruí-los.
  
4. Gente quase me esqueci! A trilha sonora é muito FODAAAA! *risos* 

5. That's all! Eu gostei, é uma série divertida, bem humorada com um toquinho de drama, retrata as mulheres da luta livre com respeito. Então vai lá :)
B,
xoxo.